PF diz que não sabe de sua munição que matou Marielle mas sabe das cuecas do Lula

A munição utilizada pelos criminosos que mataram a vereadora Marielle Franco (PSOL) com tiros de uma pistola calibre 9mm na quarta-feira (14) é de lotes vendidos para a Polícia Federal de Brasília em 2006.

A Polícia Civil já descobriu que a munição é original — quer dizer, não foi recarregada. Isso porque a espoleta, que provoca o disparo da bala, é original. As informações foram obtidas com exclusividade pelo RJTV 1ª edição nesta sexta-feira (16).

A PF vasculou a casa do ex-presidente Lula e vive perseguindo petistas, mas não sabe os seus lotes de munição calibre 9mm.

O site Sensacionalismo, como diz o nome, faz Sensacionalismo com os acontecimentos do dia sem qualquer fundo de verdade, produzidas para fins de entretenimento.