Morte de MC Kevin completa 1 mês e viúva homenageia funkeiro nas redes sociais

Cantor morreu após cair de varanda de um hotel no Rio de Janeiro

morte do cantor MC Kevin completou 1 mês nesta quarta-feira (16). O funkeiro faleceu após cair da varanda de um hotel na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro. Sua viúva, a advogada Deolane Bezerra, resolveu homenageá-lo nas redes sociais. “A pior dor é a da saudade”, disse.

Deolane compartilhou um post na internet com fotos do casamento e falou sobre como estão seus sentimentos após a morte do marido. “1 mês sem você… e onde estiver quero que saiba que minha vida não é mais a mesma… A pior dor é a da saudade, sentir saudades de quem não vamos ver mais é uma das piores dores existentes no mundo… continuo orando por você, por nós”, escreveu ela.

Relembre o caso

MC Kevin morreu aos 23 anos após cair da varanda do 5º andar do hotel. O funkeiro chegou a ser socorrido às pressas no hospital Miguel Couto após o ocorrido. A Secretaria Municipal de Saúde do Rio informou que ele deu entrada na unidade de saúde em estado grave.

Poucos minutos após confirmar o atendimento do cantor no hospital foi confirmada a sua morte. “Infelizmente, o paciente Kevin Bueno não resistiu e faleceu”, diz trecho da nota. A 16ª delegacia de Polícia Civil investiga o caso.
Testemunhas afirmaram que o cantor estava no em um quarto com uma modelo. Em depoimento, ela afirmou que o funkeiro estava tendo relações sexuais com ela e o amigo quando tentou pular para um andar abaixo do prédio por medo de que sua esposa o descobrisse junto com os dois.

A mulher contou que conheceu o cantor no mesmo dia, no calçadão da praia, em um quiosque. Ela foi convidada por ele e por um amigo para uma suíte do hotel. Um outro amigo de Kevin teria tentado entrar no quarto, mas foi impedido. A esposa do cantor, a advogada Deolane Bezerra, estava em um quarto do mesmo hotel, alguns andares acima.

Deixe uma resposta